Microcefalia

Há alguns dias, um assunto veio a tona: o aumento da incidência de Microcefalia em Pernambuco. Afinal, você sabe o que é, o que causa e suas consequências? Vamos fazer um breve artigo, acompanhe….

O que é?

Microcefalia significa perímetro cefálico (PC) abaixo de dois desvios padrão com relação à distribuição normal. O padrão para o PC varia entre diferentes etnias (em média: recém-nascido = 35cm, 6 meses = 45cm e 12 meses = 47cm).

Qual é a causa?

A microcefalia pode ser dividida em primária ou secundária. Na primária ocorre uma alteração na formação do cérebro por causas genéticas ou comossômicas, por exemplo: anencefalia, encefalocele, holoprosencefalia, agenesia do corpo caloso e defeitos de migração celular.

A microcefalia secundária ocorre por distúrbios intra-uterinos, ou seja, uma infecção intra-uterina que pode ser causada por citomegalovírus, drogas e/ou agentes farmacológicos, contaminação por radiação e infeccção por agentes biológicos, como bactérias, vírus. Também causada por doenças crônicas e desnutrição pós-natal.

Diagnóstico?

O diagnóstico é feito pelo exame físico na própria marternidade (até 24h) com a medição do crânio. No período intra-uterino é possível verificar pelos exames realizados no pré-natal e pós- natal a ressonância magnética pode ser informativa para distinguir a microcefalia primária da secundária.

micro

Tratamento?

Cerca de 90% das microcefalias estão associadas com alteração cognitiva,  exceto nas de origem familiar, que podem ter o desenvolvimento normal. O tipo e o nível de gravidade da sequela vão variar caso a caso. Dependendo do tipo de microcefalia, é possível corrigir a anomalia por meio de cirurgia.

Pode incluir também, tratamento medicamentoso, quando a criança apresenta quadros de convulsões. Entretanto, para todos os casos, o acompanhamento de profissionais especializados em desenvolvimento neuropsicomotor é fundamental. Somos nós que iremos orientar os responsáveis e estimular para que a criança aprenda as habilidades motoras necessárias para suas atividades de vida diárias. 

Os tratamentos realizados desde os primeiros anos melhoram o desenvolvimento e a qualidade de vida.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Autor: ROMANI, M.F.E.

%d bloggers like this: